As relações interpessoais podem ser naturais, como também muito complexas, já pensou nisso?

Hoje vamos falar um pouco mais sobre as relações interpessoais e como essas trocas nos levam a conhecer e compreender as outras pessoas.

Mas antes de falar nos outros, vamos falar um pouco sobre você!

Comece pelo autoconhecimento

Sim, antes de levar o seu olhar para o outro, é preciso que você possua um autoconhecimento capaz de identificar e acolher as suas próprias emoções, reconhecer e trabalhar os seus comportamentos e entender, de maneira prática, como tudo isso é processado e pode ser usado a seu favor.

Tudo isso é contemplado por aquele processo que já falamos por aqui em outros artigos: a Inteligência Emocional.

Uma vez que você desenvolve o seu processo de autoconhecimento, o impacto positivo sobre as suas relações interpessoais é uma consequência.

Mas, agora, vamos a elas!

Um mergulho nas relações interpessoais

Conceitualmente, relação interpessoal diz respeito “ao conjunto de procedimentos que, facilitando a comunicação e as linguagens, estabelece laços sólidos nas relações humanas” (Antunes, p. 7, 2003). O relacionamento com uma pessoa e outra, as relações entre membros de um grupo ou entre grupos de uma organização, portanto, são relações interpessoais.

No exercício destas relações, é importante que você saiba dosar o quanto é sobre você e o quanto é sobre o outro.

Interessante, não?!

Quer um exemplo? Muitas pessoas manifestam um comportamento percebido pelos demais como grosseiro ou rude no trato das suas relações, mas acreditam que, na realidade, estão sendo autênticas ou espontâneas. Conhece alguém assim?

Veja bem, não estou dizendo para você não abrir mão da espontaneidade. Porém, é preciso ter tato sobre o que excede o tratamento respeitoso e que pode ser desagradável para o outro.

Dedique empatia às suas relações

A empatia é um elemento essencial e é considerada, cada vez mais, uma importante habilidade interpessoal. No processo de conhecer e entender o outro, ela é fundamental, servindo ao estreitamento de laços e desenvolvimento de conexões mais profundas entre as pessoas.

Além de ser essencial ao esforço de desvendar e conhecer profundamente o outro, a empatia corrobora para o estabelecimento de ambientes mais equilibrados a partir de relações interpessoais mais saudáveis e positivas. Isso faz todo o sentido, também, para a realidade das organizações!

Em relações interpessoais positivas são partilhados valores, que fazem parte do caminho para o sucesso empresarial. Ambientes que favorecem as trocas oriundas das relações só têm a ganhar.

Agora que você dedicou um tempo a refletir sobre as relações interpessoais, que tal testar suas habilidades?

Confira esse teste grátis e dê início ao processo de reconhecer e desenvolver as suas habilidades interpessoais:

http://www.transformece.com.br/mquiz/suas-habilidades-interpessoais-sao-boas/

Gostou? Siga nossas redes sociais e acompanhe nossas dicas.

Facebook | Instagram | Twitter | Youtube | Linkedin | Pinterest

Fontes:

ANTUNES, Celso. Relações interpessoais e autoestima – A sala de aula como um espaço do crescimento integral. 9a Ed. Petrópolis: Editora vozes, 2003.

RABELO, Angela C. V. S. Relações interpessoais: conceituando a arte de conhecer o outro. Web Artigos, 2021.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.