Como é gostoso quando a família está reunida, em harmonia, todos brincando, rindo e se divertindo!
Muito se fala da importância da conexão entre pais, mães e filhos, mas nem sempre sabemos como conduzir, como conseguir essa conexão.
Estar presente, estar junto, estar perto não significa que você está conectado com a criança, se conectar é se entregar ao momento e o principal, ter respeito pela criança, por toda e qualquer fase que ela esteja passando. Não castigar, não punir também não é sinônimo de educação respeitosa e de conexão.
Seria muito menos preocupante se viéssemos com um manual de como conduzir a educação de uma criança, né? Infelizmente a vida real não é assim. Porém, com base em muitos estudos que especialistas vão desenvolvendo, algumas técnicas vão sendo criadas e podem contribuir com todo processo de desenvolvimento da criança.

Primeiro passo


O grande primeiro passo é focar no bom relacionamento entre pais, mães e filhos, ter confiança da criança e assim te ver como modelo, alguém que ela sabe que em qualquer momento ela pode contar.
O relacionamento bom entre pais e filhos é bom não só para o ambiente, como para todo desempenho do desenvolvimento infantil, em todas as etapas. Saliento que é importante ter clareza, que essa relação não é, e nem será perfeita. Desentendimentos acontecem, mas não serão mais rotineiros.
Que tal aproveitar os erros para que se transformem em oportunidades de aprendizados e aproximação da sua criança?
Durante a próxima semana trarei algumas informações nas nossas redes sociais e dicas que poderão ser colocadas em prática para que você consiga estabelecer uma conexão com sua criança e consiga o que você está precisando com mais tranquilidade!

ANELISE KOWALSKI

Gostou? Compartilhe!

Tem dúvidas? Pergunte às nossas especialistas através das nossas redes sociais ou deixando um comentário neste post.

Facebook | Instagram

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.